Amanhece...
Tudo é Você... Tudo é Você...
A Viagem e o Viajante...
Não há nada fora, além de uma caixa de espelhos.
A certo Momento, fecha-se os olhos a ela...
E Desperta-se Lá... nas Dimensões internas.

E nenhum coração pulsa só...
Nenhum coração pulsa por si.
Todo Coração Canta em Si...
Ainda que os olhos não vejam.

Então...
Como contas em um colar que não tem fim,
pois o Círculo é Esfera em outra Dimensão
Seja os meus olhos, que Eu Sou os Seus...
Seja os meus braços, como Eu Sou no Abraço...
"Tão mais fácil Condução assim..."
Amor
Ecoa...
E o que ecoa está cumprido.

Salve!
.

Abra os olhos

Abra os olhos
Só há UM aqui... Amor.

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Menor que um passo

Nosso Caminho até a Fonte
pode ser lento.
Mas é o mais curto.

4 comentários:

tereza disse...

Está dentro de nós.
Adriana, grata por voltar a escrever.
bjs

adriana disse...

Querida,
Sigo Condução.
Que possamos nos ouvir...
A&L

António Rosa, José disse...

:))))

Está a voltar aos seus 'Haiku'?

Lindo.

adriana disse...

Querido,
Minha Viagem é lenta.
Mas com prenúncio de Chegada.
-_-