Amanhece...
Tudo é Você... Tudo é Você...
A Viagem e o Viajante...
Não há nada fora, além de uma caixa de espelhos.
A certo Momento, fecha-se os olhos a ela...
E Desperta-se Lá... nas Dimensões internas.

E nenhum coração pulsa só...
Nenhum coração pulsa por si.
Todo Coração Canta em Si...
Ainda que os olhos não vejam.

Então...
Como contas em um colar que não tem fim,
pois o Círculo é Esfera em outra Dimensão
Seja os meus olhos, que Eu Sou os Seus...
Seja os meus braços, como Eu Sou no Abraço...
"Tão mais fácil Condução assim..."
Amor
Ecoa...
E o que ecoa está cumprido.

Salve!
.

Abra os olhos

Abra os olhos
Só há UM aqui... Amor.

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

Ponto

Eu já fui salva várias vezes por uma palavra, um gesto, uma atitude.
Uma brisa que passava...
Quem disse que não somos resgatados continuamente?
Que não reinventamos nosso enredo? Nossa tela colorida?
Nesse maravilhoso tricô cósmico em que nos misturamos, você e eu.

Todas as partes de nós.

Quem puxa quem?
Que diferença faz...
O ponto não tem começo, nem fim.

2 comentários:

Lucia Campos virtual disse...

Que legal...as cores estão vibrantes, hein?!
Desejo que a brincadeira de hoje seja super divertida!!!!!

Gustavo disse...

me identifiquei xD